O que você procura?

Posted on

CONTE PARA NÓS


Gostaríamos de saber como você aprendeu crochê? Se você está em busca de aprender novas façanhas nesse mundo, o que você busca nesse mundo do artesanato? Conte-nos o que você procura e não consegue encontrar?

Estamos querendo preparar conteúdos exclusivos para nossos seguidores. Conteúdos gratuitos e também quem sabe cursos onlines mais aprimorados?

Deixe-nos um comentário do que você está em busca. Vamos adorar ajudar em breve.

Não esqueça de nos seguir aqui no blog, para sempre que postarmos algo, você já ficar por dentro de tudo.

E também de nos acompanhar no nosso novo INSTAGRAM

GRAFICOS E RECEITAS

 

10 Replies to “O que você procura?”

  1. Eu aprendi crochê com minha avó, assim como fazer tricô e ponto cruz e hoje minha filha de 5 anos pede praminha mãe q tbm faz ensinar a fazer o crochê.Sempre gostei de trabalhos manuais e sempre que tenho um tempinho vago estou fazendo alguma “arte”kkk. Gosto muito de novidades e sempre busco por novas receitas e gráficos que eu possa acompanhar e copiar e vídeo aulas. Obrigada!!!bjs à todas crocheteiras.

    1. Que legal Carolina, esperamos que sua filha aprenda também dessa arte maravilhosa.
      estamos planejando talvez começar videos aulas proprios do blog 😉

  2. Eu aprendi a fazer crochê com minha mãe aos 10 anos. Ela tinha várias revistas em japonês com ótimos gráficos. Apesar de não saber ler nada, aprendi a entender os gráficos. Hoje sou apaixonada por amigurumi e faço para dar às crianças. Infelizmente não aprendi tricô. Amo também ponto cruz e estou tentando aprender outros tipos de bordado. A internet facilita muito mas as dicas da minha mãe e das “professoras” que encontrei ao longo da vida foram muito mais valiosas!

  3. Eu aprendi crochê com uma tia muito querida tinha uns 10 anos fizemos umas bolsinhas lindas depois muitos anos cresci sem pensar em crochê mas nunca esquecemos o que aprendemos bem ,então em uma situação muito complicada com a saúde de meu caçula não podia voltar para o mercado de trabalho e tentei fazer trabalhos com tecidos ,mas não tinha tempo para preparar cortar etc,então voltei a fazer crochê e agora não paro mais ,já vendo e tenho encomendas fico muito alegre contente fazendo o meu crochê

  4. Olá queridas crocheteiras de plantão, kkk
    Quando eu tinha uns dois aninhos, minha mãe queria muitoooooo aprender crochê. Eu lembro que tínhamos uma vizinha bem idosa que fazia crochê. Ela cortava os saquinhos de leite e fazia tapetes tipo capacho, entre outros trabalhos (tinha outras que também faziam), lembro que minha mãe lhe pediu que ensinasse e ela disse não! Minha mãe tão determinada , pegou um guardanapo (que tinha tecido no centro e crochê ao redor); foi desmanchando e estudando, e conseguiu aprender. Depois disso, é claro; ela teve amigas que ensinaram, fez curso; enfim para mim um grande exemplo minha querida mamãe Marlene Vidal. E eu por minha minha vez, aprendi com 5 anos, claro que foi um ensaio, mas nunca mais parei! Faço várias técnicas, mas adoro fios!
    Beijos, bom trabalho à todas e fiquem com Deus!
    Bem não posso sair sem agradecer de coração a receita do vestidinho verde maravilhoso em ponto folha.

Deixe uma resposta